Mestre dos Centavos

Sem medo, sem desculpas, apenas resultados.

sexta-feira, 15 de julho de 2016

O acidente automotivo do mestre dos centavos

Olá Cowboys do asfalto

O título deste post poderia ser também chamado de “Como um chimpa quase me matou” mas resolvi me abster da parte sensacionalista e ser mais sucinto nesta questão, o que também não deixa de ser uma verdade.

Recentemente passei por uma situação desagradável e como os senhores observaram o título do post já diz muito. Eis a história...

Isso foi em um final de semana, estava com minha namorada no meu carro quando parei em um sinal que estava vermelho e até ai tudo bem, mas foi quando o sinal abriu e eu comecei a sair com o carro só deu tempo de escutar o barulho de uma frenagem brusca e um outro carro colidiu em cheio na traseira do meu veículo o jogando para o outro lado da pista a vários metros à frente.  De primeiro momento vi que eu estava bem e não havia me ferido mas minha namorada começou a se queixar e gemer com dor nas costas e pedi para ela ficar calma e imóvel que eu já estava acionando o socorro. De imediato já começaram a aparecer os curiosos e desci do veículo para ver quem era o dono da arte que havia batido em mim.

E para a minha surpresa...

CHIMPAS, mais uma vez eles atacam!

Não importa aonde você vai, eles sempre estarão lá!
Este espécime que nem de longe está em extinção está espalhado em todos os lugares, não é possível! Como que pode existir tanta gente com cérebro amacacado neste planeta?

Quando fui ao outro veículo para ver o estado em que o "ser" se encontrava percebi na hora que o cidadão estava visivelmente bêbado, não estava usando o cinto de segurança pois bateu o chifre cabeça no para-brisa, e os pneus do veículo estavam todos carecas. Mais tarde descobri também que o carro dele estava com impostos atrasados. Típico!

Aguardei o socorro chegar e para a minha surpresa e raiva eles foram atender primeiro o chimpa pois ele parecia estar “aparentemente” mais machucado e só depois foram atender a minha namorada que teve que ser levada de maca para o hospital. Felizmente não foi nada grave pois após de alguns exames foi constatado que ela não havia se machucado nem quebrado nada, foi só o susto e o impacto da colisão que a deixou no estado em que estava. O chimpa também foi liberado na mesma noite pois só havia cortado a testa. Até pra isso bêbado tem sorte, pqp.

Olha o naipe desse aqui

Ai vocês devem estar se perguntando... mas mestre ele não foi preso?

Não confrades, não foi. Para a sorte dele quando os policiais chegaram para fazer o Bo ele já havia sido levado para o hospital e os socorristas ao que tudo me indica não colocaram no prontuário que ele estava embriagado. E eu sei o porquê.

Tanto os socorristas quanto os policiais não queriam complicar ainda mais a situação do indivíduo pois sabiam que se travava de um trabaiadô assalariado. Eu até argumentei com o policial e falei que o cara estava alcoolizado e questionei se iam fazer alguma coisa a respeito. O policial desconversou e disse que o cara não estava mais lá, disse que não compensava, para deixa pra lá, que iria complicar ainda mais o rapaz e quis deixar quieto.

Eu pensei comigo, policial filha da puta quer dizer que encher o rabo de cachaça e tirar ou colocar em risco a vida de alguém pode mas prender depois que fez a cagada não né! Mas então eu me acalmei e pensei comigo mesmo: Se eu levar isso adiante e exigir a prisão do chimpa, quem vai pagar o meu preju? Como eu e minha namorada não havíamos nos machucado pois estávamos de cinto e tudo mais, resolvi deixar essa questão da prisão de lado e focar no prejuízo.

A batida foi feia, para você terem uma ideia a marca dos freios no asfalto se estenderam por quase 40 metros! Isso mesmo, quase 40 metros. O sujeito estava pra lá dos 140km/h e por causa dos pneus estarem carecas não foi possível parar o carro a tempo. Agora imaginem se ele não tivesse tido nem a noção de pisar o pé no freio! Imaginem também se ao invés de estar de carro eu estando de moto com minha namo! Ai meus amigos, eu não estaria aqui lhes contando essa história.

Meu carro ficou mais ou menos nesse estado (figura ilustrativa)

No meu carro pelo que pude ver  terá que ser trocado a tampa do porta malas, o vidro traseiro, o para-choque, um dos pneus traseiros, o eixo entortou, as longarinas aquelas colunas laterais também ficaram danificadas e outras coisas mais. Do banco do passageiro para trás o carro terá que ser todo refeito. Algumas partes terão que ser retiradas de sucatas para reposição só para vocês terem uma ideia. Estimativa do valor do concerto ficará em torno de 5k.

Carro do chimpa (figura ilustrativa)

Já o carro do chimpa um celta 2012pelo pouco que pude ver pois estava de noite, terá que ser trocado radiador, para-choque frontal, faróis, tampa do capu, estava vazando óleo na pista. Resumindo, metade da frente do carro foi danificada. 

Fiz o Bo, chamei um guincho para o meu carro que naquele momento não tinha condição alguma de andar. O carro do chimpa foi guinchado para o pátio do detran pois estava irregular.

Peguei o contato do chimpa através dos policiais que estavam com os documentos dele e o procurei já no dia seguinte.

Aposto que vocês querem saber se ele vai arcar com o preju não é mesmo? 

Esse "ser" em questão se trata daqueles típicas pessoas que vemos por ai no dia dia, ou seja, o famoso “Pobre Trabaiadô.” Tanto ele como eu não tínhamos seguro pois ambos os carros são populares simples e é inviável pagar seguro nas condições em que nos encontramos.

Em conversa via telefone ele pediu desculpas pelo ocorrido, disse que nós não tivemos culpa de nada (ÓBVIO NÉ CHIMPA) e que ele ia arcar com os danos materiais. Para minha sorte, se é que posso falar assim, ele trabalha em uma oficina que mexe com parte de suspensão e pneus e que no dia seguinte iria buscar o meu carro com o guincho da firma. Ele me disse ainda que quem ia pagar o concerto do meu carro seria o próprio patrão dele pois o chimpa não tem nem onde cair morto e me pediu para não dizer que ele estava dirigindo embriagado ao sujeito pois não queria perder o emprego. Disse ainda que o patrão irá descontar mensalmente o valor do concerto do salário dele. Fiz esse favor a ele e assim o meu carro foi levado para o concerto afinal pelo menos ele teve a decência de assumir a cagada.

Fizeram orçamento em 03 funilarias de referência na cidade e pediram para ir lá e dar o meu aval caso eu aprovasse o orçamento e verificasse quais peças seriam trocadas. Fui na funilaria escolhida, conversei com o dono que ia fazer o serviço, ele me explicou o que será feito e trocado no meu carro, garantiu a qualidade do serviço e assim aceitei o reparo.

O chimpa fez um empréstimos com familiares e pagou quase 2k só para retirar o carro do pátio do detran, e só vai concertar depois de arrumar o meu.

O que mais tem nesse Brasilzão são estas criaturas

 Atualmente meu carro ainda está sendo concertado e estou me virando com minha moto. Eu que já estava pensando em vende-lo agora vou fazê-lo mais ainda pois não quero ficar com um carro remendado.

 Meus amigos fica aqui algumas lições importantes.

  • Aquela velha máxima de que devemos dirigir para nós e para os outros é válida.
  • Sempre use cinto de segurança e ande com os documentos todos regularizados pois isso pode salvar de muitas dores de cabeça ou de algo até pior.
  • Apesar de ser clichê, nunca beba antes de dirigir.
  • Apesar da situação ser crítica, manter a cabeça fria ajuda muito nestes imprevistos.


Então é isso confrades, tenham muito cuidado no trânsito tanto com vocês tanto para com os outros. Apesar do carro ter nos salvado a vida não dá mais para ficar com ele por conta dos gastos. Viver por viver já é um risco. Em breve o carro virará parte do patrimônio e poderei aportar com mais força.

A corrida continua confrades, mas nessa... nessa corrida, todos poderão acelerar a vontade!


Que a força esteja com vocês!

sexta-feira, 1 de julho de 2016

Atualização Patrimônio Financeiro JUN/16: R$ 11.450,00 ou - R$ 942,00 ou (-8,23%)

Olá Espartanos


Mais um mês que foi pras cucuia e estamos aqui novamente  na blogosfera divulgando nossos resultados patrimoniais. Pois muito bem, infelizmente neste mês não consegui defender meu patrimônio em virtude de algumas decisões que tive que acabar tomando. Decisões essas obscuras no momento mas que serão reveladas em futuras atualizações patrimoniais.

Dito isto vamos aos numbers!

Neste mês perdi 942 bananas representado pelo percentual de 8,23%. Patrimônio derretido para R$ 11.450,00.

Enquanto a grande maioria da blogosfera comemora aumentos vertiginosos em seus bananais dado a bela alavancagem da bolsa eu como não invisto nesta modalidade tenho que amargar esta “queda”.

Sei que muitos de vocês devem ter agonia e repulsa por ver alguém como eu que além de contar centavos e ter um patrimônio pífio ainda consigo terminar com prejuízo no final do mês. Mas...



Modo defensivo


Na guerra faz parte da estratégia recuar e reagrupar os soldados em uma outra posição mesmo que isso signifique sacrificar alguns peões e até mesmo uma peça mais importante.  Desta forma no momento estou agindo em modo defensivo.

Não posso prometer nenhuma reviravolta milagrosa, nenhum grande aumento de patrimônio de forma repentina como alguns devem pensar, mas posso lhes dizer que a situação em que me encontro é temporária e que logo logo darei a volta por cima.

Como eu disse anteriormente estou em um projeto junto com alguns confrades que participam dos meandros da blogosfera e juntos vamos dar uma chacoalhadas nas coisas muito em breve. Acredito que até o final do ano já teremos alguns resultados.

Digam a eles confrades...




No mais é isso senhores, aproveito e me despeço agora  deixando um som foda no final deste post para vocês curtirem e darem aquela relaxada rs.





Que a força esteja com vocês!