Mestre dos Centavos

Sem medo, sem desculpas, apenas resultados.

domingo, 18 de novembro de 2018

Crônicas do Mestre Uber



Salve Rapaziada

Já tem algum tempo que estou lhes devendo um post que não seja atualização de patrimônio, então hoje trago algumas histórias que estou vivendo nas horas em que trabalho como motorista da Uber e que os divertirão neste tempo de leitura. 

Primeiramente vamos começar com as histórias bizarras que ouvi durante os minutos que passei em companhia de determinados passageiros. Ser motorista Uber hoje é como ter seu próprio confessionário particular onde você escuta as lamentações, os arrependimentos e os desejos das pessoas. Mas como aqui não é igreja e não preciso guardar segredos vamos abrir a caixa de pandora de alguns passageiros que passaram pela caranga do mestre. 😆

O curso inútil

A primeira história aconteceu logo no início, se não me engano foi no meu segundo dia de trabalho nesta função. Atendi a uma solicitação de corrida, fui ao local e embarcou uma moça alta, loira e muito bonita. Já de imediato ela puxou papo comigo e contou que estava muito feliz pois acabara de realizar o seu grande sonho. Na hora fiquei imaginando que sonho seria esse, será que ela foi pedida em casamento? Comprou o primeiro imóvel? Abriu sua própria empresa? Não, não foi nada disso. 

Para minha surpresa o grande sonho desta moça era simplesmente conhecer uma cabeleireira muito famosa da região e fazer um curso com ela. Até ai tudo bem, dava até para engolir mas o que mais me chamou a atenção foi que esta moça pagou 5mil reais, isso mesmo 5 paus para fazer um curso de dois dias com a dita cabeleireira. Além disso esta minha passageira não era da cidade e sim de outro estado lá no nordeste, mais precisamente Pernambuco. Ou seja, ela além de ter pago 5k no curso, gastou com viajem e hospedagem que lhe saiu caríssimo. E a cereja do bolo é que quando perguntei se ela ia usar o que aprendeu em algum futuro negócio ela disse que não, que veio mesmo só para conhecer a sua cabeleireira e que inclusive brigou e se separou do namorado só para poder vir. Outro detalhe é que esta passageira além de ser pobre financiou e pegou empréstimos no banco para fazer essa viajem e pagar o curso. Sem mais a declarar. 😵 


Talvez um desses ela consiga

Um namoro de prejuízo 

Um outro dia conheci uma passageira muito gente fina, uma senhora de meia idade empresária e proprietária de uma lanchonete que fica no centro da cidade. Esta senhora me contou toda a sua história e de que estava indo bem com os negócios até conhecer um sujeito pela internet. Como ela só fazia trabalhar e estava carente de atenção resolveu engatar um namoro. Tudo ia muito bem, o faturamento mensal segundo ela girava em torno de 12mil por mês já que sua lanchonete era bem movimentada. Ela queria abrir uma segunda lanchonete pois já havia acumulado recursos para isso porem só dinheiro não ajudaria já que ela precisava de uma boa gestão.  Foi ai que ela teve a brilhante ideia de colocar o namorado para tomar conta deste segundo empreendimento e em poucos meses ele faliu a nova lanchonete deixando a mulher cheia de dívidas e como muita raiva. Obviamente ela desfez o namoro mas sem admitir que parte da culpa também era dela por misturar relacionamento com negócios. Ela quase também perdeu sua loja principal por causa desta cagada. Acho que a lição aqui ficou bem clara. 😉


Quase hein tia

Flagrante

Esta história agora é mais comum do que parece e acontece em todos os cantos do nosso amado Bostil. Entrou no meu carro uma garota, nova, bonita mas meio cabisbaixa. Puxei assunto e perguntei se estava tudo bem, mas segundo ela não estava. Esta passageira relatou que naquele mesmo dia havia descoberto a traição do seu marido, uma traição diga-se de passagem bem ousada. Ela contou que estava com seu marido na frente da casa deles conversando com um amigo que mora ao lado. Certa hora da noite ela disse que estava com sono e deixou os dois conversando lá na frente e foi dormir. Em uma determinada hora da madrugada ela acordou e percebeu que seu marido ainda não havia ido se deitar, então ela se levantou e viu que o mesmo não estava mais na frente da sua casa. Ela foi lá de pijama e tudo e percebeu que havia uma moto Biz na frente da casa do amigo do marido dela que como eu disse mora ao lado. Ela estranhou o fato e foi lá averiguar o que estava acontecendo. Ela disse que eles deixaram o portão da casa aberto e por isso ela entrou lá com facilidade. estando lá ela escutou uns barulhos estranhos e foi até a janela do quarto do seu vizinho e viu ele e o marido na cama com outras duas mulheres. O barraco foi grande kkk. Ela estava sendo chifrada bem do lado da sua casa com quartos que dava parede com parede. Pode isso Arnaldo? 😂


Essa foi aquela típica cena de novela 

Um casamento caro

Esta é outra típica história de terras tupiniquins. E sim confrades, mais uma vez aconteceu com uma mulher bonita, elas são um perigo para nós homens. Sé loco. 
A guria em questão após dar abertura para bater um papo enquanto fazíamos a corrida foi logo  se abrindo e disse que estava passando por um processo de separação mas que estava brava porque segundo ela mesma o marido não queria dar a parte dela que lhe cabia. Ela casou- se com um advogado e ficaram três anos juntos. E claro que o advogado para dar aquela boa chimpada para impressionar a espozinha financiou um apê no centro da cidade com uma pequena entrada de 100mil e suaves prestações de R$ 3.500,00, por 30 anos. (Só podia dar merda).
O casamento não vingou pois segundo a passageira eles não tinham grana para sair (Obviamente) e o casamento havia entrado em uma rotina. Agora ela quer que o cara venda o apartamento, pegue os direitos e que reparta com ela. Eu fui ousado de perguntar se ela tinha ajudado ele a pagar a entrada ou as parcelas do apê, e sim, ela disse que ajudou, mas não financeiramente mas sim cuidando do apê, limpando, fazendo comida pra ele e que isso na cabeça dela eram motivos de sobra pra ele dividir com ela o que ele pagou sozinho. Casa que é gostoso.


Ta aqui um cara que sabe do que eu estou falando 

Muito bem confrades, estas são algumas das muitas histórias que escutei trabalhando como motorista Uber. E por um acaso vocês notaram que em todas essas histórias houveram separações? Coincidência ou não, muitos dos problemas das pessoas envolvem outras pessoas e em especial os relacionamentos que tem um grande peso nos problemas da humanidade. E em homenagem a cornaiada, essas pessoas vou deixar aquela boa e velha musica de 🐂

Outras histórias virão!



E como eu sempre digo:

Fique rico, ou morra tentando.

quinta-feira, 1 de novembro de 2018

Atualização Patrimônio Financeiro OUT/18: R$ 28.392,00 ou - R$ 3.245,00 (-11,43%)



Saudações soldados

No mês passado fiquei devendo a atualização patrimonial por falta de tempo pois agora eu tenho dois empregos (bordão há muito utilizado pela Rochele haha) e em virtude disso ocorreu este pequeno deslize, coisa que espero que não se repita. Dito isto, vamos aos números. 😀




Meu patrimônio continua naquela de estica e encolhe o tempo todo. Como não estou podendo fazer aportes regularmente como fazia antes ele fica totalmente dependente das oscilações das cripto moedas. Neste mês ele oscilou negativamente o que me fez perder uns bons trocados. 

Sobre isso continuo frio e coloquei essa grana lá para o "ou vai ou racha". Inicialmente tinha 40mil lá, e hoje como vocês podem ver só tenho aproximadamente 9mil. O mercado de cripto moedas ainda não esboçou nenhuma reação de crescimento e temo que isso continuará por um longo tempo. O inverno chegou e não se sabe até quando ou se ele irá embora.


"Adicionar legenda"... Precisa?

Mas...

Sigo na minha luta diária sem desanimar pois tenho plenas condições de começar do zero caso assim acontecer e com o diferencial de uma maior experiência no que tange a investimentos. Ainda não me dei por vencido pois o jogo só acaba quando ele termina. 



Quem é você na guerra dos tronos?





Fique rico, ou morra tentando!