Mestre dos Centavos

Sem medo, sem desculpas, apenas resultados.

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

A decisão de vender o carro

Fala ae seus barbeiro

A mais ou menos um ano atrás publiquei um texto com o título “A decisão de comprar um carro” você poderá ler sobre isso aqui onde citei vários argumentos que justificavam a minha decisão de comprar um carango naquele momento.  O tempo passou e hoje venho com esse novo post não para contrariar o que eu mesmo disse no passado mas sim para esclarecer e colocar aqui o que me levou a tomar a decisão de agora se desfazer do meu veículo.

Não deixa de ser uma resposta

Naquele post passado em questão recebi apoio mas também fui muito criticado por estar fazendo justamente o contrário do que se é pregado para buscar a IF e fugir da corrida dos ratos. 
Claro que a maioria tinha razão pois não fazia sentido algum um pobre diabo assalariado que já aportava merreca ainda resolver adquirir um passivo tão terrível quanto o carro. Mas o que me levou a tomar essa decisão naquela época foi o fato de eu ter sofrido com problemas de saúde e que eu precisaria de um veículo para a minha locomoção no decorrer do tratamento. Mas não posso mentir e dizer que  não estava aproveitando da situação nem nada, pois eu estava! Afinal o conforto que um carro oferece é algo incomensurável.

Passado a fase do tratamento da saúde a já totalmente recuperado continuei com o veículo e o usava no meu dia a dia indo ao trabalho, passeios e viagens. E claro que não demorou muito para começarem a surgir algumas manutenções, troca de pneus, multas idiotas, gastos com combustível etc.



Eu já não estava com o carro mais por causa de necessidade mas pura e simplesmente somente por conforto. Mas esse conforto custa caro e ainda que se tratasse de um veículo simples ele não deixou de dar seus gastos que foram previamente anotados todos por mim mês a mês.

A conclusão a que cheguei foi de que vivendo no Brasil para quem ganha abaixo dos R$ 4.000,00 é suicídio financeiro ter na garagem um veículo mesmo que simples. Como eu anotei todos os gastos em oficina que tive com ele no decorrer do período, todas as multas, impostos e combustível eu sabia exatamente qual era o seu custo mensal. E para a minha surpresa este serzinho estava me custando em média mensalmente R$ 700,00.

Para quem ganha pouco e tem pretensão de aportar para viver uma vida mais tranquila futuramente esqueça esse negócio de carro no momento. Salvo por questões de necessidade mesmo mas na primeira oportunidade passe a diante.

Deem uma olhada com seus próprios olhos em primeira mão tudo o que eu gastei com meu carro desde a sua compra e tirem suas próprias conclusões.

TARJETA PLACA
 R$      40,00
PNEU/BALANCEAMENTO
 R$      64,00
ROSCA
 R$      70,00
LICENCIAMENTO
 R$      68,40
ALARME
 R$      60,00
DVD CARRO
 R$    189,90
MULTA
 R$    153,20
REVISÃO 
 R$    475,00
BATERIA
 R$    260,00
PNEUS
 R$    719,00
2º REVISÃO
 R$    550,00
MOLDURA PARALAMA
 R$    167,00
OLEO + FILTROS
 R$    274,00
IPVA
 R$    381,20
MANUTENÇÃO
 R$    360,00
ÓLEO CAMBIO/MOTOR/CHAPA
 R$    173,00
AUTO FALANTE/TRAVAS PORTA
 R$    150,00
CAMBIO
 R$    130,00
LANTERNA
 R$      40,00
MULTA
 R$    300,00
MANUTENÇÕES E REPAROS
 R$    174,00
MULTA
 R$    153,25
ÓLEO
 R$      92,00
LIMPEZA
 R$      22,00
COMBUSTIVEL 2015
 R$ 1.220,00
COMBUSTIVEL 2016
 R$ 1.650,00




TOTAL PERÍODO 12 MESES
 R$ 8.202,90
MÉDIA MENSAL
         683,58


Eu não tenho nenhuma vergonha de expor esses valores aqui e com o que foi gasto, quero que vocês vejam isso muito bem principalmente para aqueles que ainda não tem este passivo.
Mas o fator que foi determinante para a decisão da venda do carro foi aquele acidente em que me envolvi onde um chimpa embriagado colidiu na traseira do possante causando um belo estrago e transtornos. Ainda bem que o mesmo se dispôs a pagar a cagada e concertou o carro mas eu já sabia que ele nunca mais seria o mesmo e sabendo dos custos que ele estava me proporcionando mensalmente eu o vendi o mais rápido possível. 


E o medo disso acontecer


Aliás eu já estava querendo vende-lo mas iria fazer isso no final deste ano mas resolvi me antecipar e consegui exatamente o preço que eu havia pagado nele a um ano atrás. Ponto pra mim!

Vendi meu carro sem maiores dificuldades pois apesar de tudo além de ser um veículo de fácil revenda, estava muito bem conservado e o a maquiagem concerto que fizeram nele ficou bem feito. E eu não falei nada sobre a batida para o comprador pois eu dei todas as possibilidades para ele levar a um mecânico ou em alguma oficina de vistoria mas ele não quis fazê-lo pois se apaixonou pelo carro no primeiro contato e nem quis saber destas formalidades. Então azar dele! Me livrei de uma possível dor de cabeça e de quebra vou aumentar meu patrimônio.




Felizmente eu não estou a pé pois como todos sabem eu ainda possuo minha moto. Ela será a minha companheira de agora em diante para me levar aonde eu precisar. O custo mensal dela é de mais ou menos R$ 200,00. Bem melhor né. Voltarei para a vida que eu tinha no passado quando tinha somente a moto e me virava muito bem.  Sempre gostei de moto e dirijo com muito cuidado. Não será dificuldade nenhuma voltar a esta rotina. Claro que de agora em diante implica um outro risco que é o risco de acidente. Não posso negar que isso me preocupa mas é o risco que terei que correr para poder fazer meu patrimônio voltar a crescer.

Agora será a estrada sobre duas rodas

Sobre esse assunto olha que interessante: Logo quando anunciei que ia comprar o carro em agosto do ano passado, meu patrimônio estava na casa dos 29k, e hoje um ano depois, mesmo tendo vendido ele pelo mesmo valor pago eu vou chegar aproximadamente aos mesmos 29k. Ou seja, meu patrimônio não cresceu absolutamente nada! O carro comeu tudo! Olha que coisa!

Claro que o fato de eu ter ficado afastado durante 03 meses por causa do tratamento de saúde e ter o salário reduzido por causa do auxílio doença também deve ser levado em consideração mas mesmo assim isso não é desculpa para esta inércia patrimonial. Meus aportes foram todos drenados pelo carro. Se formos fazer as contas e se eu não o tivesse comprado, hoje estaria pra lá dos 40k.

Mas como águas passadas não movem moinhos tenho que olhar para a frente. O carro me ajudou bastante e me proporcionou muitas alegrias também, fui viajar com ele e conheci São Paulo, fui visitar outros parentes distantes, me ajudou no momento de necessidade, me deu bons momentos com meus amigos, em suma, ele amplificou a minha qualidade de vida social.

Agora o momento é de colocar os pés no chão e pensar mais seriamente no futuro pois não posso ter este entrave financeiro minando meu já pouco patrimônio. Não me arrependo de o ter comprado pois como eu disse me ajudou bastante, mas agora é hora de olhar com mais seriedade minhas finanças e trata-la com o devido cuidado pois tenho objetivos muito maiores para o médio e longo prazo.

Um dia eu vou comprar um novamente mas desta vez o próximo será o meu sonho de consumo, o carro que eu sempre quis. Mas primeiro vou realizar e concluir outros objetivos. Quando estes objetivos estiverem concluídos ai sim terei liberdade e $ para poder desfrutar sem medo e sem preocupações deste caro mas magnífico passivo.




Que a força esteja com vocês!


128 comentários:

  1. Carro se analisarmos friamente só com um patrimônio maior mesmo.

    Tem quem siga a famosa regra dos 10% do patrimônio, mas tem que ver
    quanto o carango vai custar por mês, além do valor de aquisição.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Pra quem tem patrimônio baixo e quer faze-lo crescer ainda mais realmente nao compensa manter um carro.

      Se eu fosse seguir essa regra dos 10% eu teria que ter 120k de patrimônio, se for analisar bem os juros ganhos sobre este capital manteria o carro e o resto voltaria para este montante para nao deixa-lo ser corroido pela inflação.

      abç

      Excluir
  2. Julius parabéns por este post, muito sincero e focado em reverter algum resultado negativo.

    Tenho ponderado sobre adquirir um carro ano que vem. Vou escrever a respeito e peço sua opinião de mad max veterano das estradas.

    Um abraço, camarada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá nobre colega CF

      Espero que voce esteja bem ai no portuga.

      Quando voce fazer este post terei prazer em deixar meu ponto de vista. E acredito que você já esteja preparado para possuir um sem dores $.

      Abç

      Excluir
  3. Parabéns pela decisão Mestre, também tenho carro mas preciso pois ocupo parcialmente no exercício de minhas funções. Me leva uma grana considerável, mas por enquanto não tenho opção infelizmente.

    Vem mais uma decolada no ranking do Self rsrs

    abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas bah, fala ae gaucho

      Obrigado confrade, se não tem outra maneira o negócio e mante-lo mesmo.

      Pois é, mais uma arrancada poderosa pra deixar meus adversários loucos kkkkk.

      "Vamu" agitar essa bagaça.

      Abç

      Excluir
  4. Parabéns, eu tenho carro, pois não sei andar de moto e tenho medo: a lataria da moto é nosso corpo. Foque nos aportes e tente estudar para conseguir um emprego melhor. Eu tenho 40 anos meu patrimônio hoje deve passar de 2 milhões mas vou te falar a verdade até os 29 anos eu quase não tinha nada mas foquei nos estudos e consegui um emprego melhor. Comecei a juntar grana e a fazer bons negócios. Vou citar um deles: em 2011 comprei 6 terrenos num lugar que quase ninguém queria mas eles ficavam exatamente na parte da cidade que mais cresce. Cada terreno custou R$15.0000,00 financiado com a própria incorporadora e eu só tinha dinheiro para pagar um deles à vista. Lembro que eu juntava cada centavo do mês para adiantar as prestações e pagar menos juros e no final paguei tudo. Hoje, mesmo na crise, cada terreno pode ser vendido por R$110.000,00 facilmente e meus terrenos ficam em frente a uma praça que nem foi construída ainda (quando for o preço aumentará). Nessa jogada tenho hoje por volta de R$600.000,00 só nesses terrenos. Tem pessoas que focam em empreender, outras em estudar, outras em ir para outro país o que devemos ter em mente é que sempre há solução e devemos pensar sempre no futuro sem deixar de curtir o presente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá PC

      Eu perdi esse medo logo no inicio quando que no 2º dia onde eu havia comprado a minha primeira moto (zerada porem parcelada em 36x) cai com ela.:( O tombo me deixou puto porque eu havia acabado de comprar a moto mas me deixou alerta para não fazer besteira pois na maioria dos casos os acidentes acontecem por simples falta de atenção dos envolvidos. Mas no seu caso como você já tem um belissimo patrimonio eu realmente nao recomendo voce se aventurar em um a moto pois nesta fase em que voce esta quanto menos risco correr melhor para voce poder aproveitar a sua grana.

      Eu penso em estudar só que nao faculdade ou algo do genero porque até pós eu já tenho. Só que escolhi o curso errado e não tenho mais paciencia pra encarar banco de faculdade novamente. Eu estou mais enclinado para concursos publicos, o que voce acha sobre isso?

      Muito legal suas experiencias com imoveis, voce teve uma bela sacada e ganhou bastante com isso meus parabéns. Fico contente em saber que voce ainda é novo e terá muito tempo para aproveitar deste seu mérito.

      Quem sabe um dia eu também chegue lá! rs

      Abç



      Excluir
    2. concurso publico? mas o seu marido (pobretão) não vai gostar! kkkk

      Excluir
    3. Quer ascensão meteórica na vida? Passe em um concurso público.
      Podem xingar a vontade, mas é a pura realidade no Brasil.
      Quer ter problema de emprego e dinheiro? Iniciativa privada.
      Quer ter emprego e dinheiro? Concurso público.
      O resto é conversa fiada.

      Excluir
    4. É isso mesmo anon 05:38

      Esta é a realidade.

      Excluir
  5. Não sei como vocês tem coragem de andar de moto, quando iniciei meu curso de direção paguei pela AB mas o medo de usar moto falou mais alto e troquei para a B mesmo, dá uma agonia que o bicho vai cair pro lado rs. Olha lá em Mestre, o barato pode sair caro, moto é perigoso demais para quem mora em grandes capitais, motorista não respeita ninguém e qualquer coisinha é acidente feio, mas o ruim é que aqui nós temos poucas opções mesmo, só resta se matar de pagar um carro e ter um pouco de conforto, ter o risco de andar de moto ou ficar enlatado que nem sardinha no transporte público. Para quem puder o melhor mesmo é morar no centro perto de tudo para ir a pé para os lugares ou em ônibus de curta duração.

    ResponderExcluir
  6. Backup em PDF do VRP, alguém tem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em PDF não, mas em HTML tem o backup do Anon dos Backups:

      https://mega.nz/#!NFJXQYjA!XcGl7yn9C_S0T1KVGQw0kl0Nx_O5cZrffZoAEOtitQ0

      Excluir
    2. i ae fracassado mor

      Como eu disse pro PC logo acima perdi o medo cedo e meio que não tenho outra alternativa para me locomover com mais rapidez e qualidade aqui onde moro.

      Eu moro em uma cidade interiorana e apesar de ser grande o trajeto que costumo fazer é bem tranquilo.

      Já piloto moto a mais de 10 anos e apesar de já ter passado alguns cagaços sempre foi mais por minha causa que por causa dos outros. O lance é se vigiar e cuidar dos outros motoristas também, respeitando os limites da lei de transito da para andar tranquilamente.

      Valeu

      Excluir
  7. Único e verdadeiro motivo pro Mestre ter vendido o carro no link abaixo:

    https://www.youtube.com/watch?v=ybz5KyUo-_E

    A partir de agora, na capital, só vai continuar andando de carro quem quiser. O FURA-FILA, maior projeto da campanha do nosso futuro prefeito, vai atender todas as necessidades da cidade, se aliando ao metrô e aos ônibus. O Fura-Fila, rápido, confortável, jamais vai te deixar na mão. Como diz o comercial, "chega de sofrimento com tanta demora...Ele passa na frente, vc chega na hooooora"

    As eleições chegando e Pitta flutua entre 40~50% das intenções de voto nas pesquisas. Reta final pra sabermos se levamos essa eleição JÁ no 1º turno ou se massacraremos Erundina ou Serra ou Rossi no 2°...

    A campanha segue a todo vapor!!! Não vamos jogar fora tudo que conquistamos nos últimos anos, Maluf é o maior prefeito da história de SP disparado e agora é PITTA pra São Paulo não parar!

    NÃO DEIXE SÃO PAULO PARAR!

    Vote 11, vote PITTA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse fura fila seria uma boa por aqui mesmo hein. Pena que não saiu do papel.

      Vote 11, vote Pitta!

      Excluir
    2. Anon, o Celso Pitta faleceu em 2009.

      Excluir
  8. Mestre a melhor coisa que fiz e uma das mais difíceis foi vender meu carrinho. não era grandes coisas, era um Peugeot 206, mas era show de bola. Pau para toda obra.Passei três meses remoendo vender ou não vender, mas assim que vendi e vi as verdinhas na conta, e o quanto economizava eu vi que fiz a coisa certa. Ainda hoje comento da necessidade, e fico idealizando comprar algo de novo. Mas rapidamente lembro do que me levou a vender e ver que sem carro meus aportes são gordos e com ele eu apenas teria a diversão do final de semana. Isso é muito pouco para alguém que quer parar de ser escravo cedo.
    Bela decisão a blogosfera te apóia, logo logo você poderá ter um melhor sem risco financeiro. Uma dica, ande de Uber.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. i ae ratex

      O sentimento é recíproco, apesar de tudo o que aconteceu também fiquei com dó de se desfazer do meu carrinho :(

      É como se fosse um companheiro que se vai das nossas vidas. Parceiro dos rolê.

      Mas o que nos consola e você até já colocou isso são as verdinhas na conta, os juros caindo em cima e o alívio de uma despesa que não existe mais. Assim sendo, nossos aportes são mais fortes e o patrimônio cresce mais rápido.

      Valeu

      Excluir
  9. Infelizmente, não é bom negócio, pelo menos em custos/despesas, ter um carro no Brasil. Além de pagar muito, mas muito caro mesmo por um carro que não tem o valor correto (é só comparar lá fora do país), as despesas e custos com ele pesam bastante.

    Há o contraponto, pois o carro te beneficia com viagens (curtas ou longas), capacidade de levar pessoas próximas, evitar assaltos coletivos (como nos ônibus) e ainda, e não menos importante, é uma coisa sua, que você pode utilizá-la quando bem entender...

    Mas, de acordo com nossa realidade, o melhor que temos a fazer é utilizar ônibus/metrô no dia a dia, e Uber para lazer. Os aportes agradecem!

    Abraços, Mestre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você está corretíssimo em suas considerações.

      é isso mesmo.

      Abç

      Excluir
  10. Mestre fez bem. Viver sem carro e fod@, mas como tem um objetivo siga em frente.
    New Anon.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tenso confrade, um dia eu terei um de novo. um dia!

      Excluir
  11. Mestre fez bem. Viver sem carro e fod@, mas como tem um objetivo siga em frente.
    New Anon.

    ResponderExcluir
  12. O Pobretão voltou?

    vidadejpbf.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. O carro realmente gera muitos gastos. No meu atual momento de vida, não me vejo sem. Moto, acho bastante arriscado. Transporte´público na minha região é um caos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Temos que adequar a nossa realidade x necessidade. Se você tem condições para manter um é beleza, o duro é quando o sujeito precisa mas não tem condição, ai é triste.

      Excluir
  14. Bom ter vendido mesmo seu lixo , lixeiro fracassado. Raça inferior

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. nesta noite vou ficar em posição fetal no canto do meu quarto encolhido e chorando por causa desse comentário.

      Excluir
    2. kkkkk esse mestre é zica

      Excluir
    3. 11:26 = Chapeiro do MC Donalds ITAQUERA querendo chamar alguém de inferior...huahuahuahuahua

      Excluir
  15. Salve, mestre! Meu carro é ano 2000 e não penso em trocá-lo. Eu evito usá-lo todo dia e divido carona para ir para o trabalho. Quando ganhava menos também senti no bolso o peso de ter um carro.

    Adicionei seu blog no meu blogroll.

    Abraços

    http://capitalismus.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. i ae marcelão

      Ainda bem que você consegue intercalar, é isso ae.

      Vou add tbm

      Abç

      Excluir
  16. Realmente MC, carro gasta como um filho. É foda...
    Já pensei várias vezes em vender o meu, mas acabo por não fazê-lo pelo conforto que tem me proporcionado, já que não uso transporte público lotado (inclusive carrego notebook comigo, evito assalto); trabalho (extra) nuns horários diversos do convencional e em lugares contramão para transporte público e levo vários equipamentos.
    Poderia ter um carro mais barato, mas acabei comprando de um parente. Enfim... as vezes ainda penso em me livrar dele kkkk

    Ah! Eu te add no eu blogroll... Não estava antes por mera distração, já que sempre passo por aqui. Porém deu algum problema, deu um erro dizendo que não tem feed de noticias .
    ABC

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. i ae Funça

      Se ter carro for semelhante a experiência de manter um filho realmente o negócio é tenso. Claro que cuidar de uma criança é infinitamente mais complicado. Mas tem que goste né, fazer o que.

      Quando você fica acostumado com alguma coisa é muito difícil você se desprender disso.

      Vou add voce tbm.

      Abç

      Excluir
  17. Investidor Troll5 de dezembro de 2013 22:35
    Esse imbecil está se achando com o rei na barriga. Ele é apenas uma modinha. Daqui a 10 anos, todos os blogueiros estarão aqui, mas ele sequer será lembrado.
    =========================

    Traidor nunca vamos esquecer.

    ResponderExcluir
  18. Fala aê seu motoqueiro! kkk

    Seu blog é o mais legal no quesito zoeiragem, eu já abro aqui e fico rindo do Julius: "Pra que gastar se temos a opção de não gastar"??? haha é muito bom.

    Se me xingarem abaixo, apaga aí por favor. Tô cansado de pegarem no meu pé, eu não faço mal a ninguém.

    Acho que foi uma decisão acertada, por mais que eu ache que um Uno Mille ou Golzinho Bolinha não te daria tanto custo assim.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. i ae confrade VDC

      Fico muito contente que você goste deste espaço, o meu propósito como você sabe é tratar de assuntos considerados "chatos" de maneira leve e descontraída. A medida que eu for evoluindo financeiramente e aprendendo sobre novos investimentos vou colocando aqui toda a minha via sacra mas de forma cômica para não espantar os leitores.

      Se te xingarem ai em baixo já chego na vuadora, "cha com nóis".

      Acredito que eu tenha tomado a decisão certa sim, quanto a suas indicações sobre esses dois carros ai eu penso que seria pior pois as manutenções seriam mais recorrentes devido aos anos destes carros. E creio que a diferença de custo mensal seria pouca tambem.

      Vou me virando com minha "motoka".

      Abç

      Excluir
  19. Parabéns Júlios, sensata decisão. Para nó que andamos de moto e aportamos, não há justificativa racional para termos carros. Mantenho o meu por morar longe do centro e ter família, mas com a chegada do Uber e o Metrô no ano que vem, venderei o meu sem dúvida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra gente que ja estamos acostumados confrade VDA tiramos isso de letra.

      Vlw

      Excluir
  20. Infelizmente não posso vender o meu , fica muito caro a manutenção mas perciso mesmo dele pois vivo longe do trabalho..
    Vou ter que lhe colocar pneus a custarem 80 euros cada ,pelo menos dois vou ter de trocar..
    foda mas tem de ser .
    Bom post
    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala PA

      É uma lástima voce não poder se desfazer do seu ainda mais gerando tantos custos.

      Um dia as coisas vão melhorar, fique tranquilo.

      Abç

      Excluir
  21. Parabéns pela decisão mestre. Realmente ter um carro com salário abaixo dos 4000 reais não vale a pena mesmo.

    Agora o que me diz de uma moto? No caso uma que faria 19km com o litro de gasolina? Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. i ae migalhas, mudou a foto do perfil hein rs

      Sobre sua pergunta só de não ter carro já ajuda. Sobre a moto creio que uma que faça 19km/litro seja uma de categoria superior a 250cc. Neste caso eu ficaria com uma 150cc pois o custo de manutenção é bem menor e a economia com combustivel é dobrada. Pra gente que tem pouca grana ficar bancando este tipo de condução é bobagem pois só alimenta o nosso ego elevando temporariamente e ilusoriamente o nosso status.

      Pense nisso.

      Abç

      Excluir
  22. VOLTA POBRETA, ME AJUDEM!!17 de setembro de 2016 22:48

    Desde que o pobreta se deu um auto-ban, estou em choqu

    Minha vida não é mais a mesma

    Eu acordo todos os dias e só penso numa coisa: Tomar a saliva da gengiva da Bel Pesce de canudinho.

    Mestre por favor não venda seu OPEL maravilhoso ímã de bucetas!

    Me ajudem por favor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem muitos outros blogueiros bons na blogosfera cada um contribuindo com alguma coisa para com nosso desenvolvimento. Não se apegue a um só. Viva como um todo.

      E o opel já foi. :(

      Excluir
  23. Pow Mestre teve que vender a nave mesmo eim.... mas fez bem!Me adiciona novamente esse é o meu novo blog! Abraços..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá Money

      Pois é cara, não teve jeito.

      Irei add.

      Vlw

      Excluir
  24. Olá Mestre dos centavos,ha um ano eu conheci o blog do pobreta e tambem o seu blog que é ótimo e muito engraçado parabéns.Desde então aderi esse estillo de vida de aportador mesmo ganhando a merreca de 1,5 k,estou guardando o que eu posso,guardo até moedas de trôco de supermercado,tenho uma caixa só com moedas kkkk.Num ano consegui juntar 8k mas de grão em grão a galinha enche o papo.Não junto pra ficar milionário,isso é ilusão mas aporto pra não depender do governo na velhice.Tamo junto companhaeiro. Ass: motoqueiro do aporte

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo

      Obrigado por estar por aqui. Cara em um ano você juntou uma grana legal meus parabéns. Aposto que você nunca tinha juntado isso né? No longo prazo você conseguirá acumular muitos mais! Esses 8k que você acumulou já te bota na frente de um monte de mulambo que tem por ai. Imagine a segurança que você tem ao saber que tem essa boa reserva para te socorrer caso precise algum dia, é reconfortante.

      Continue com essa disciplina e continue ou estude alguma coisa para voce melhor se desenvolver para passar a ganhar mais e poder aportar mais também. Ainda não está perdido meu amigo, não desista agora.

      Forte abraço.

      Excluir
  25. Eai mestre, parabéns pela decisão!
    Tenho 24 anos, sou apaixonado por carros, e comecei meus aportes financeiros recentemente. Consegui colocar na minha cabeça que não vou comprar um carro tão cedo. Neste mês de setembro me mudei pra perto de onde trabalho e consigo ir a pé!
    Ganhnando menos que eu já tenho amigos colocando uns carros lindões na garagem, mas a gente sabe como isso funciona... bora investir e pensar no longo prazo!
    Abraço e que venham a nova era de aportes com o novo salário!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "O que qui há velhinho?" rs

      Fala meu amigo orelhudo!

      Também curto muito carro mas percebi que curto dinheiro mais ainda rs. Para quem mora perto do trabalho nem precisa esquentar com esse negócio de carro, voce esta com sorte.

      Vamo que vamo

      Excluir
  26. Comprei meu primeiro carro com 40 anos de idade, enquanto deu pra andar a pé funcionou, mas depois de uma certa idade e condição financeira não justifica mais.

    Escrevi sobre a compra hoje...

    http://abacusliquid.com/consumidor/prisma-2015-preco/

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prisma? Porque não comprou um audi usado, honda civic seminovo/usado, corolla, fusion.

      40 anos pra comprar um prisma anon?
      Poxa vida.

      Excluir
    2. Olá Abaco

      Decisão sábia a sua ter comprado o carro apenas após os 40. Com isso teve tempo e $ para aportar mais.

      Depois passo lá para ler sobre seu post.

      Abç

      Excluir
    3. Tanto MAREA lindo por aí deixando todo mundo pra trás na Dutra e o cara me compra um Ônix lisoso com porta-malas maior...

      Motor Fivetech >>>>>

      Carro chevrolet só serve pra sujar a garagem pingando óleo

      Excluir
    4. Fez a coisa certa. Comprar um "audi usado, honda civic seminovo/usado, corolla, fusion", como disse o colega acima, tem um porém, quando for fazer qualquer serviço de manutenção ou reparo, vai deixar um dinheirão. Normalmente são carros bons que não gostam de oficina, mas quando vão, prepara o bolso para a facada"

      Excluir
  27. Escoria o ranking foi dado pelo Pobretao para o Viver de Construção, não para o lixo do troll. Traidor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O ranking não foi dado a ninguém pois pertence a todos da blogosfera. O troll deixou aberto para que quem quisesse poderia fazer em outros meses também. Mas a galera quis deixar com ele. Por mim também não tem problema algum.

      Só porque o homem de ferro brigou com o capítão américa não quer dizer que ele não possa usar o escudo dele. Desde que seja digno é claro.

      Excluir
  28. Andei com uma bizoca o quanto deu, corri de altas blitz por não pagar documentos, manutenção era somente troca de óleo, pneus e relação, olha a danada me aguentou 8 anos. Agora ando de carro é caro sabemos disso. Mas uso só pra dias de chuva e curtição. o que da uma amenizada. Mas mestre se foi melhor blz. Não viva pra ser um pobreta deprimido e revoltado com a vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá confrade srinivasa como andam as coias?

      Você fez bem aproveitou ao máximo, é isso ae.

      "Não viva pra ser um pobreta deprimido e revoltado com a vida. "

      Não sou assim, prefiro ver a vida por um angulo mais otimista ainda que passe por alguns reveses.

      Sabe, a nossa vida é uma só, e é muito pouco tempo para ficar só lamentando. Quero é viver. Viver de acordo com as possibilidades que a vida me entrega.

      Abç

      Excluir
  29. Eu estou pensando em comprar um carro, e olhando esta postagem já desanimei, mas quando imagino no salto de vida que terei, a coisa muda e volto a ter vontade de comprar um.

    Vamos ver o que virá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala ae crhis

      Você está em dúvida, nada mais normal. Mas será que realmente valerá a pensa fazer isso agora? para qual finalidade voce vai usar o carro, trabalho ou passeio? comprará a vista?

      Pense bem a respeito.

      Abç

      Excluir
    2. Mestre dos Centavos19 de setembro de 2016 17:44

      Então Mestre, vou usá-lo mais para ir ao trabalho e ter uma qualidade de vida melhor, sem carro mestre, você é muito mal visto em minha cidade, e na profissão que atuo, ter um carro é essencial viu.

      Excluir
    3. Pardo sofredor já escruio o blog que lixo.

      Excluir
  30. Minha Suzuki 150cc faz 33km/l em média.

    tanque 15l x 3,50l = 52,50
    Quilometragem tanque = 495km

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já não basta ter moto ao invés de um carro decente

      Ainda compra SUZUKI??

      POOOOOORRA BICHO!!

      Excluir
    2. Olá bom Dia!
      Bom, tenho uma FAZER 2014 que faz 33-36km/litro de gasolina.
      As motos novas não consomem tanto quanto as antigas. E como eu tirei carta em uma moto 200cc, estranhei muito as 125cc. Minha primeira foi uma TWISTER 2002, que só troquei por dar um problema no Painel frequentemente.

      Cometi alguns erros financeiros FEIOS em se tratando de agiotagem. Misturar trabalho com sentimento, coisas do tipo. Tenho pensando em montar um BLOG também para contar minha história. No momento estou lento a trajetória do Mestre, Quem sabe Viro um Membro da Blogsfera?

      Excluir
  31. Você viu que eu acabei com o blog do pardal ?

    Ass anom do badoo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alguns blog andam sumindo muito ultimamente. Com a saida do pobreta alguns se desmotivaram ainda mais.

      A blogosfera só perde.

      Excluir
    2. O pardal cuckold voltou. No post de retorno, ele esqueceu de mencionar a estória fake da namorada dele.

      Excluir
  32. O mestre vai para a lua nos rankings..... Se não precisa do carro, não há porque ter um.... Infelizmente eu tenho de tabela, pois dona patroa necessita do veículo.... :-(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. i ae raul

      Você e o lyrical serão meus alvos em breve rs. Porem sei que o jogo será duro pois você tem poder de aporte maior que o meu.

      Penso que você deixa que a dona patroa arcar com os custos então.

      Abç

      Excluir
    2. Mangina ridículo.

      Excluir
  33. Muito bom o post. Na sua situação, ser dono de um carro realmente vai dificultar atingir suas metas quanto à IF, visto ser gastos que refletem diretamente nos aportes. Enquanto não dispor de um patrimônio significativo, não compensa ter um carro.
    No meu caso, tenho 40 anos, uma renda mensal razoável e um patrimônio que apesar de estar muito distante ainda para atingir a IF, creio que em até 10 anos consiga chegar lá, tenho um carro.
    Tenho o carro por questão de necessidade, pois a locomoção em ônibus/metro sempre lotados, além do tempo que se perde nos deslocamentos e nos pontos de acesso, acabam com o ânimo e saúde de qualquer um. Apesar de que mesmo dentro do carro perdemos grande parte do tempo, o conforto do automóvel, ar condicionado, rádio ou um mp3 para estudar, conta muito.
    Adquiri o meu carro 0km em 7 de janeiro de 2011, financiado. Já está quitado, mas nesses quase seis anos, já gastei muito dinheiro. Estava pensando em trocá-lo, pois já rodei 100mil km e depois de 5 anos e dessa quilometragem, tem peças que pelo próprio desgaste natural terão que ser trocadas. Na tentativa de evitar tais gastos, foi a procura de outro veículo da mesma categoria. Ao pesquisar, quase infartei, não acreditei nos valores exorbitantes que as montadoras estão pedindo nos carros. Pela tabela FIPE meu carro vale 60% do valor que paguei, por sua vez as lojas desvalorizam tanto o carro que só querem pagar 40%. Diante disso, simplesmente desisti de trocar de carro.
    Procurei uma oficina, fiz o levantamento do que tenho que trocar, conforme o manual do veículo, vou comprar as peças e produtos e fazer uma revisão geral no veículo. Vou usá-lo por mais 5 ou 6 anos ou 200mil km, o que acontecer primeiro e aí sim, vou pensar em trocá-lo novamente.
    O que provoca a cobrança absurda nos preços dos carros, manutenção e impostos inerentes e que a maioria das pessoas se deixam levar pela emoção. São seduzidos por propagandas e comerciais que iludem sobre a necessidade de trocar de carro a cada 2 ou 3 anos, sendo que podem ficar com ele por mais tempo. Veja também o caso dos aparelhos de celular. Se houvesse mais consciência, com certeza os custos diminuiriam em todos os sentidos para se ter e manter um carro.
    Forte abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Legal seu relato amigo.

      Você está certo quando ao que disse, ter carro pra mim hoje é inviável. Tive que sentir na pele para ter certeza.

      Você está numa idade que precisa ter um pois acredito que você tenha família e por ter um patrimônio legal como penso que você tem, ter um carro a sua disposição já não é tão oneroso.

      A única ressalva que faço é que na minha opinião você deveria ter comprado um carro semi novo e não um zero pois você perdeu muito na desvalorização que é algo que não acontece com tanto impscto em um semi novo. Um popular zero hoje custa na média de 35k e com esse valor dá para pegar um semi novo top de linha e pouco rodado e com muito mais opcionais. Pelo menos esse é meu ponto de vista.

      Acredito que a sua decisão de ficar com o veiculo agora é a mais acertada pois poderá utiliza-lo até quando não der mais.

      Obrigado por seu relato e apareça por aqui quando quiser.

      Abraço

      Excluir
    2. O problema é a manutenção desse semi novo top de linha que é bem mais caro do que o popular novo.

      Excluir
    3. Falou tudo Anônimo , se não for para trabalho carro não se justifica se seus aportes não já tiverem uma consistencia razoável , eu mesmo vou gastar uma pipa agora em pneus e vou fuder quase 3 meses de aportes.

      Excluir
    4. Conversando com um taxista ele me disse que carro com 100k km ainda é considerado novo por eles.
      Eles pensam em trocar de carro quando chega nos 300k km.

      Excluir
  34. E aí MC! Boa solução, o carro foi essencial na sua recuperação, então ele teve seu valor, mas é um ralo aberto. Agora é curtir a motoca e turbinar os aportes, certo?
    Sucesso!

    ResponderExcluir
  35. Caramba mestre que paulada! Nunca fiz as contas como vc fez ali do carro. QUe kctada!Esobre os haters, sempre tem gente desocupada querendo fazer mal pros outros, mas não esquenta pq o bem sempre vence. O negócio é não baixar a cabeça.

    Pedi pra um amigo configurar um blog wordpress pra mim e vou iniciar pra treinara escrita. Da uma passada lá se puder... tesourodiretofacil.com até mais abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo anon

      Se você anotasse todos os gastos no decorrer de um único ano se assustaria, isso eu garanto.

      Os haters sempre serão haters apenas isso.

      Vou passas no seu blog sim.

      Abç

      Excluir
  36. Destruíram o blog do conservador mangina rs

    Ass: Império do Pobretão

    ResponderExcluir
  37. Vou dar um recado para as manginetes imundas e para a escória da blogsfera chamada Conservador Mangina: Mantenha a moderação no seu blog imundo pois não daremos trégua.
    Nossa causa é justa e estou aqui para a guerra. Não trago paz. Aos infiéis tenho apenas minha lança.

    Me perdoe por quebrar a harmonia desse blog Mestre dos Centavos.

    Allahu Akbar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Relaxa amigo, aqui é um espaço livre para vocês debaterem!

      Abç

      Excluir
  38. O Uber é uma alternativa além da moto ou transporte público.Estou sabendo que logo logo haverá outros concorrentes do Uber nas principais capitais, além de vc poder rachar a conta com mais uma pessoa que faça o mesmo trajeto que vc.

    Outra coisa que também estava observando são as start-ups como a Fleety e Pegcar em que vc aluga o veículo por um período determina a um preço mais acessível que as locadoras tradicioais.Enfim, está surgindo opções melhores do que manter um carro.

    Claro que é preciso fazer as contas e ver se o percurso entre seu trabalho\casa\lazer compensa dispensar o carro e trocar por esta possibilidade.Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Felipe

      Uber é uma boa mesmo e veio para quebrar alem dos cartéis dos taxis os cartel do transporte publico tbm.

      Abç

      Excluir
  39. O Pobreta estar voltando você estar preparado?

    ResponderExcluir
  40. Olá Mestre dos Centavos, gostaria que me adicionasse á seu Roll de Blog, conheça meu blog: http://wallstreetbrazil.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  41. Impossível um homen viver sem carro. Carro é uma este não do homem um símbolo de liberdade e individualismo. Não fivaria nunca sem. Se preciso compro um de 5 mil pelo menos não paga IPTU. Já pensou de comprar um Ford ka antídoto ou um carro do ano 2000 mestre?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro anon

      IPTU é imposto é imposto predial e territorial urbano. Em carro se paga IPVA, licenciamento e seguro depvat. E sobre o ford ka acho que voce quis dizer antigo né rs.

      Não quero mais saber de carro, pelo menos por hora.

      Vlw

      Excluir
    2. Foi mal pelos erros corretor do smartphone.

      Excluir
  42. É humanamente impossível alguém como o Pobreta que diz que estudou em colégio top cheio de playboy, tem emprego bom, salário bom e diz que é mais feio que cu cágado e fica em casa sem ninguém ouvindo Roxette. Só se tiver problemas mentais como rico o que é impovravel pelo cargo que ele possui. Acho que o plano FGTS dele deu errado e foi expulso por justa causa, surtiu e excluiu o blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara se eu ti fala que existe de tudo que é jeito nesse mundão véio sem porteira?

      A gente morre e não ve tudo! O pobreta pode ser considerado um cara normal frente aos loucos que existem por ai.

      Excluir
  43. Parabens por vender o monstro MC!
    Eu condeno muito o carro e já fiz dois posts sobre isso.
    Vc vai ficar bem mesmo sem isso, é muita despesa!
    Coloquei até receita de multiplicar o iogurte no meu blog mano. kkkkkkk pão durice é legal demais, eu me divirto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É impossível um homem viver sem carro. Carro é uma extensão do homem.

      Excluir
    2. Olá Frugal sempre muito bom ve-lo por essas bandas.

      Eu li os seus posts e concordo com os pontos que você destacou.

      Sobre sua ultima postagem ela já esta aqui na minha aba pronta para ser lida rs. Quando o assunto é economizar to dentro hehe.

      Abraço

      E anon, carro não é uma extensão do homem pois nascemos sem ele e morreremos sem ele.

      Flw

      Excluir
    3. Na boa carro é estupidez sim ,o dinehiro gasto da para compra um terreno e construir um casarao ,fora que casa nunca depreciar carro sim .

      Excluir
  44. Essa discussão sobre carro vai longe mesmo, eu mantenho o meu 2009 bem conservado e nem paro para fazer as contas de quanto gasto com ele para não dar vontade de vender.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. i ae brow

      Se u fizesse as contas com toda certeza se assustaria rs. melhor deixar isso queto mesmo rs.

      Abç

      Excluir
  45. Mestre, fico feliz que seu patrimônio está voltando a crescer. Por outro lado, fico triste pelo fato dos problemas que você teve com seu automóvel. Discordo quanto ao fato de que o carro não é indicado para pessoas que ganham abaixo de R$ 4.000,00. Creio que isso seja válido para as cidades de grande porte, penso que nas cidades de médio e pequeno porte, com um salário menor é possível a aquisição de um veículo automotor sem grandes prejuízos, desde que a pessoa adquiria um automóvel dentro dos seus padrões financeiros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário de apoio

      Se você não for um cara que cuida bem do seu veiculo e mora em um local sem muitos buracos e tripidação no asfalto vocÊ pode até ter razão.

      Infelizmente não tive a mesma impressão mas sei que há quem fica com o carro usando o ano todo e só troca óleo e coloca gasosa. Vai meio da sorte também.

      Abç

      Excluir
  46. Olá amigo.
    Estou seguindo seu blog.
    Se quiser dar uma conferida no meu!
    Coloquei seu link lá!
    Abraços

    ResponderExcluir
  47. Mestre, olhe a homenagem que foi feita ao pobreta. https://www.youtube.com/watch?v=oHDdhp-Z5m0

    Impressionante mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Escute bem, se gostar comente sobre ela em uma postagem no seu blog.

      Abraço.

      Excluir
  48. O Pobretão precisa voltar para humilhar os gayuchos naquela cidade violenta deles.

    ResponderExcluir
  49. O Vinicios (consevador mangina) moderou o blog porque descobrimos e estamos postando a identidade dele, do catarrento e da pardinha. Serar destruído seu lixo!

    Ass: NeoJPBFs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pardinha?

      Como você descobriu? Aprendeu na deep web?

      Não dá pra ter certeza disso ai.

      Excluir
    2. Anônimo29 de setembro de 2016 15:50

      Uma favelada nota 2 nordica que não é.

      Excluir
  50. Carro é uma extensão do penne.

    Sem carro, penne menor.

    Se sua ESPOSA/NOIVA/NAMORADA já sentiu na xota/chupou/punhetou/escondeu no cool/masturbou por cima da cueca um pinto que não é o seu...

    Meua migo...

    Tenho péssimas notícias pra vc!


    Obs: Domingo vote MARTA SUPLICY PREFEITA, LACRA NO 15!

    Cheirinho de hepta, chevrolet tem que voltar a fabricar o Astra no lugar do Cocôbalt

    ResponderExcluir
  51. Pessoal eu com 28 anos virgem e bv é melhor eu procurar uma gp (tenho medo) ou a bando ar o mundo de vez?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já te respondi lá no troll.

      Seu chorão.

      Excluir
  52. Aonde foi para o rica games? A meses desapareceu do youtube.

    ResponderExcluir
  53. Vote 11, vote PITTA!
    Vote 11, vote PITTA!
    Vote 11, vote PITTA!
    Vote 11, vote PITTA!
    Vote 11, vote PITTA!
    Vote 11, vote PITTA!
    Vote 11, vote PITTA!
    Vote 11, vote PITTA!
    Vote PITTA!

    ResponderExcluir
  54. carro esta deixando aos poucos de ser sonho de consumo dos jovens. A toyota já identificando isso no japão esta desenvolvendo robos para atingir o nicho dessas pessoas que não querem carro, como robos domésticos. Eu tirei carteira de motorista mas nem penso em carro, da tristeza pagar para manter algo, como gasolina seguro ipva.

    ResponderExcluir
  55. Fala Mestre!

    Estou voltando a blogosfera, montei meu blog investidoringles, porém acabei abandonando-o. Vou tentar ressuscitá-lo.
    Quanto a carro, sempre tive e nunca comeram meu orçamento me impossibilitando de aportar. (ganho menos de 4.000). Porém, esse ano está sendo bem diferente. Ano passado resolvi matar uma lombriga e escolhi um carro mais sofisticado (porém usado). Se os valores que foram passados da manutenção que estou pra fazer não se alterarem, esse ano gastarei cerca de R$ 6200 com manutenção e R$ 8500 adicionando seguro-ipva. (não conto combustível, pois gastaria com vale-transporte).
    Cara que decepção! o jeito é vender assim que sair da oficina e voltar para um usado simples. O bom foi que aprendi muita coisa, como exemplo, estudar bastante o carro que você tem para minimizar gastos com manutenção e mexânicos (sim, infelizmente muitos dos gastos que tive foi por erros dos tais), avaliar muito bem o carro antes da compra (errei nesse aspecto, comprei sem fazer uma boa verificação) e etc (pretendo escrever sobre isso no meu blog, vamos ver...)


    Abraços!

    ResponderExcluir
  56. Fala Mestre, fiz um blog, acompanho seus posts, dá uma força aí! Faço posts para betas e finanças também. Abraço!

    www.pobre-diabo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  57. Mestre, meus pêsames pela perda, mas parabéns pela decisão. E aí, vai andar de Táxi, Uber, etc qdo quiser passear a noite? Ou vai na motinha mesmo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meus pêsames nada, to é felizão de ter me livrado daquela bomba hahahaha

      Certeza que vou de motoka! Em dias chuvosos como diz a musica da angélica... vou de tax....

      Excluir